Estados Unidos

Como aproveitar Las Vegas

sexta-feira, outubro 28, 2011

Um amigo está indo para Vegas e me pediu algumas dicas.
Como nós fomos para Las Vegas duas vezes (sim! Mudamos o roteiro da viagem no meio dela) e em temperaturas diferentes, acredito que temos algum conhecimento sobre a cidade e podemos dar umas boas dicas, né?


Então vamos lá.

Hospedagem
Como eu já disse algumas vezes, Las Vegas tem a hospedagem mais barata dos Estados Unidos. Dá pra ficar num quarto bacaninha, com duas camas queen size, por 30 dólares (!), em um hotel/cassino no meio da Strip (a principal rua de Las Vegas). Isso porque os hotéis querem que você gaste dinheiro no cassino. Optamos pelo Imperial Palace, primeiro porque é um dos mais baratos (o Harrah's e o Flamingo também têm preços ótimos!) e segundo porque ele fica na frente do Caesars Palace (onde passamos muito tempo). O quarto é básico, não tem uma vista maravilhosa (as janelas dão pra dentro do hotel) e não tem internet de graça. Aliás, internet é uma coisa rara em Las Vegas -- se precisar, corra para a Starbucks do Planet Hollywood Casino, porque nem é toda Starbucks que tem (a do Mirage e a do Harrah's não têm Wi-Fi). Mas tudo bem, afinal, em Las Vegas, a última coisa que você vai querer é ficar dentro do quarto. 
Uma coisa é fato: todos os quartos são muito, mas muito longe da entrada (de qualquer hotel!). Os hotéis têm sempre o cassino gigante no começo e os elevadores para os quartos lá no fundão. Maneire na mala porque você precisará andar um bocado. Pra você ter uma ideia, filmamos nosso percurso da entrada até o quarto e ele ficou bem grandinho. O vídeo está aqui. Ah! E, se for usar salto, leve sempre umas Havaianas na bolsa. O mais difícil de Las Vegas é aguentar a dor no pés.

Cassinos
Se você não joga, vai ter a mesma opinião que eu. Todos os cassinos são praticamente iguais: barulhentos e enormes. O que muda é a decoração. Há cassinos lindíssimos e outros que não valem a visita. Procure entrar nos principais para conhecer o lobby ou alguma atração do hotel. Há sempre uma surpresa.
Entre no Caesars Palace porque é um dos mais chiques e classudos. Do lado direito do hotel, há um shopping, com lojas iradas. Lá dentro, há um aquário lindo, com peixes raros e arraias. Vale a pena.
O Bellagio é o mais famoso de todos (quem viu 11 Homens e Um Segredo, sabe). Entre e vá até o lobby, que tem uma decoração incrível e temática. Como fomos em setembro, o hotel já estava pronto para o Halloween. 
Bellagio
E não se esqueça (você não vai esquecer) de ver os shows das águas na frente do hotel. São emocionantes! Assista mais de um (que acontece a cada meia hora) porque as músicas são diferentes.
O Cosmopolitan, na minha opinião, é o cassino mais bonito de todos! Fiz até dois vídeos sobre ele. Aqui e aqui. É moderno e luxuoso, com uma decoração incrível! Vale dar uma passada no banheiro (sim! No banheiro!) e no lobby.
O Planet Hollywood também é bem bonito. Mas, depois do Cosmopolitan, você não ficará tão impressionado. Ainda assim, não deixe de ir.
Planet Hollywood
O Mirage tem um Secret Garden, com golfinhos e outros animais. Para entrar no jardim, você precisa pagar 16 dólares. Eu não quis gastar com isso porque já tinha tido bastante contato com animais em San Diego (no Zoo e no SeaWorld). Ainda assim, vale dar uma olhada no jardinzinho que tem dentro e no vulcão do lado de fora. Rola um show à noite neste vulcão, de fumaça, fogo e água. Vale conferir também. 
O Luxor vale a visita só porque é temático, com decoração egípcia. Mas não é lá grandes coisas...
Luxor
O Stratosphere, que fica lááá no final da Strip, também merece a visita, mas não pelo cassino e, sim, pela vista do alto do prédio. Lembre-se que também é preciso pagar para subir (12 dólares) e, se quiser ir em alguma "ride" (são três), precisa pagar mais um pouco. A Ana foi. Eu não tive coragem.
Stratosphere
É legal ir ao Stratosphere à noite pra ter essa vista, sim, mas se você não é fotógrafo, é melhor ir de dia. As fotos ficam ruins à noite. E outra: andar por ali é meio perigoso. O hotel é afastado dos outros cassinos e tem uma área entre ele e o Circus Circus que está em construção, então, é um trecho sem movimento.
O cassino mais agitado de Las Vegas é o O'sheas. É tosco e pequeno, mas é onde fica a galera mais nova. Os cassinos mais famosos são lotados de velhinhos viciados. Neste, você pode curtir um ping-pong de cerveja. É... Coisa de louco.
Outro bonito é o Wynn. E, se você quer ver uma coisa bem cafona, dê um pulo no Circus Circus. É bem brega, mas tem um parque de diversões dentro. 
Outro que tem um parque é o New York New York. Mas os cassinos são todos iguais. :P


Baladas
Não fomos em muitas diferentes, não, mas conhecemos as duas que mais queríamos: a The Bank (no Bellagio) e a Pure (no Caesars Palace). Ficamos muito nos bares bebendo e andando pela rua, que é bem agitada até umas 3h da manhã... Não deixe de tomar a Margarita de 1 dólar no Casino Royale. Sim, UM DÓLAR. É frozen, não deixa ninguém bêbado, mas é uma delícia! Tomamos milhares! Hahaha. Ah! E no Imperial Palace, você encontra doses enormes de Tequila por 2 dólares ou 3 dólares! 
Meu primo, que é super baladeiro, falou que a melhor noite de Las Vegas é a balada do Cosmopolitan. a Marquee. Dizem que segunda-feira é o dia que mais bomba.
Eu, particularmente, AMEI a Pure, do Caesars. Toca black music e a pista é uma loucura! Fiz alguns vídeos que você pode ver na playlist, começando por este.
A The Bank, do Bellagio, é a típica balada de playboy. Fica bem lotada e o club é lindo de morrer... Veja o vídeo aqui. Mas é tudo uma fortuna (cerveja a 10 dólares) e só dá narizinho empinado. Tipo Mokai, em São Paulo.
Outro amigo disse também que a Tao, dentro do The Venetian, é bem boa.
A maioria tem o mesmo preço de entrada: $30 homem e $20 mulher. Nós não pagamos nenhuma. Ser mulher tem suas vantagens... Hahaha. A real é que se você ficar esperto, consegue VIP. Os promoters ficam perambulando dentro dos cassinos, tentando achar gente pra bombar a balada.
Foi andando pelo Caesars Palace que um cara ofereceu colocar nosso nome na lista. Para o The Bank, conseguimos VIP na porta do shopping do Bellagio.
Ignore os caras que ficam na rua, tentando vender ingresso pra balada. 
Se você for guerreiro, pode comprar o All Night Pass, que custa 45 dólares e dá direito a sete baladas numa mesma noite. Mas aí eu pergunto: quem vai em sete baladas numa mesma noite? Bom...
Se você quiser economizar, dê uma passada no Carnaval Court, que fica do lado de fora do Harrah's e é de graça. Boa música, boa bebida. Beleza de gente? Mais ou menos. Outra que dá pra entrar na faixa é a RockHouse, a balada do Imperial Palace. É altamente tosca, mas nós gostamos. Hahaha. Balada bagaceira em Las Vegas: eu fui! 
Para saber sobre todas as baladas de Las Vegas, acesse este site: http://www.lasvegas.com/nightlife/
Outra coisa: não ache que você vai conseguir os VIPs depois que a balada começar porque fica bem mais difícil. E mesa, só com antecedência. Se quiser fazer uma reserva, precisa pagar. E não é barato: coisa de mil dólares com direito a algumas garrafas, para algumas pessoas.
E aqui você pode ter mais informações sobre VIPs e passes.

Shows
Compre os ingressos antes de viajar, pela internet. É muito difícil conseguir para exatamente o que você quer assistir, em cima da hora. Veja o que está em cartaz, o que você quer ver e já garanta o seu lugar. Pode ver nesse site: http://www.lasvegas.com/shows/
Existe o Tix4Tonight, com quiosque de venda em vááários pontos de Las Vegas. Lá você encontra os ingressos que sobraram no dia, com desconto. É bom para caso você não saiba o que assistir. Mas, por exemplo, eu e a Ana tentamos todos os dias conseguir ingresso pro Thunder From Down Under (um show de homens, só para mulheres) e não conseguimos.
Os ingressos não são baratos, mas você precisa ir a pelo menos um. Las Vegas é famosa por seus shows e você não pode voltar de lá sem ter visto algum.

Roupas
Las Vegas está no meio do deserto. É raro você pegar frio por lá mas, acredite, em nossa segunda ida à cidade do pecado, encontramos a maior friaca!
Da primeira vez, morremos com o calor de 40 graus. Da segunda, saímos pra balada de casaco.
Para o dia, use roupas leves. Nem calça jeans é aconselhável. Você vai caminhar muito (dá pra fazer a Strip toda a pé, por isso, sem preguiça!) e, provavelmente, debaixo do sol. Então, mulher, pegue uma legging ou um shortinho, um tênis e uma camisetinha bacana. Não arrisque andar de sapatilhas para não voltar cheia de bolhas no pé. Homem, nada de camisas sociais ou polos durante o dia, hein?
Para a noite, mulher, abuse na piriguetagem roupística. As mulheres de Las Vegas andam praticamente nuas, de saias curtérrimas e decotes sem fim. Entre no clima e aproveite para usar as roupas que você tem vergonha de usar aqui por serem muito vulgares. Vestidinhos são as melhores opções. Capriche no cabelo e na maquiagem porque lá todo mundo anda super arrumado e a concorrência é braba! Hahaha. Vá de salto, mas não se esqueça das Havaianas na bolsa! Você não vai aguentar voltar pro quarto, eu garanto!
Homem, uma roupinha social, sem exageros -- não vá de terno para a balada, por favor! Mas abuse do estilo. Os homens de lá são bem vaidosos, cheirosos e estilosos. Você vai ver muito cara de lenço no pescoço e chapéu -- e isso não é nada mau! Pode colocar um jeans bacana, um sapato bonito (tênis não!) e uma camisa diferente. Mas não ande desencanado, ok?

Por hoje é só. Depois postarei dicas de compras e restaurantes em Las Vegas.
Beijos,





Você também poderá gostar de:

0 comentários

Receba o #SinTrip por email



Curta o #SinTrip no Facebook