Argentina: o que você precisa saber antes de viajar para lá

terça-feira, maio 15, 2012

Como contei em meu último post, voltaremos à Argentina ainda esta semana. Tanto eu quanto a Ana já conhecemos Buenos Aires. Mas, antes de viajarmos para lá pela primeira vez, ficamos cheias de dúvidas, como todo mortal.

Apesar de ser um destino muito comum para os brasileiros, por ser próximo e acessível, sei de muita gente que ainda não teve a oportunidade de viajar para lá. Se você se enquadra neste perfil, este post é para você.

A Argentina é o segundo maior país da América Latina (logo atrás do Brasil), o oitavo maior país do mundo em território e o primeiro maior entre os países de língua espanhola. A Argentina possui 23 províncias e uma cidade autônoma (Buenos Aires).

As principais cidades de interesse turístico são Buenos Aires, Mendoza, Córdoba, Bariloche, El Calafate, Ushuaia e Jujuy.

Por ser um país extenso, o clima da Argentina varia bastante. Na região norte, o verão é bem quente e úmido; e o inverno leve, sujeito a secas periódicas. O centro tem verões muito quentes sujeitos a chuva de granizo, e invernos frios. A região sul tem verões mornos e invernos bem, mas bem frios, com fortes nevoadas, principalmente nas montanhas.

Buenos Aires, a capital, possui uma temperatura média anual de 18 graus C. e estações bem definidas.

A Argentina possui uma imensa diversidade de atrativos naturais, como canyons, salinas, geleiras, desertos, florestas, vales, cataratas etc. E não pense que em uma ou duas visitas você conhecerá o país. A Argentina pede algumas várias viagens para ser explorada.

A primeira coisa que você deve saber antes de planejar sua visita à terra do Tango, do vinho e do alfajor, é que, assim como todos os países do Mercosul, a Argentina não exige a apresentação do passaporte brasileiro, nem visto de entrada. Porém, é preciso portar o RG novo (aquele que não é plastificado) -- o documento velho não vale.  Eu mesma não tenho o RG novo e prefiro viajar com meu passaporte em mãos. Tanto faz. ;)

A moeda local é o Peso argentino, que equivale a 50 centavos de Real. Uma dica: vale a pena levar dinheiro em Dólar. Isso porque o Dólar, lá, equivale a 4 pesos e -- se não estiver valendo 2 reais como agora -- você economiza comprando Dólar no Brasil por um valor menor e trocando por Peso lá.

Buenos Aires possui dois aeroportos: o Aeroporto Internacional de Ezeiza, a 35 quilômetros de distância do centro, e o Aeroparque Jorge Newbery, bem mais próximo ao centro da capital. As companhias Aerolíneas Argentinas, TAM, Gol e Lan operam voos diários para Buenos Aires, saindo de São Paulo, Rio de Janeiro e Porto Alegre.

Para circular de carro, na Argentina, basta apresentar a habilitação brasileira, mas, se quiser dirigir pelas regiões montanhosas, é bom ter experiência em dirigir na neve (que não é fácil!). Se preferir percorrer o país de ônibus, as principais empresas da Argentina são a Andesmar, a El Rápido International, a Chevalier, a Crucero Del Norte e a Via Bariloche. Ainda há a opção de viajar de trem, apesar de haver poucas linhas na Argentina. As principais empresas são a Trenes del Litoral,  TBA e Ferrobaires.

Agora, a principal informação (principal mesmo) que você deve ter é o contato do Consulado Geral do Brasil. Ande com o endereço e o telefone do consulado com você. Como a Ana já falou em outro post, se perder seus documentos, dirija-se a uma delegacia, abra um boletim de ocorrência e siga para o consulado, onde você poderá emitir uma Autorização de Retorno ao Brasil (ARB). O atendimento funciona de segunda à sexta, das 9h às 17h. Se precisar do consulado quando o mesmo estiver fechado, telefone para lá.

Anote:


  • 101
  • Delegacia do Turista: Avenida Corrientes, 436 - (54 11) 4346-5748/ 0800 999 5000
  • Sites: www.turismo.gov.ar, www.info.gov.ar
  • Código de área do país: +54
  • Código de área de Buenos Aires: 11
  • Fuso horário: 0h (horário de Brasília)
  • Moeda: Peso argentino
  • Como ligar para o Brasil: 0800-9995500
  • Visto: Não é necessário.

Agora faça as malas, escolha seu hotel e boa viagem!

Beijos,

Você também poderá gostar de:

3 comentários

Receba o #SinTrip por email



Curta o #SinTrip no Facebook