#SinTrip

Dia 3: São Paulo - O Centro Cultural Banco do Brasil e a Caixa Cultural

segunda-feira, agosto 06, 2012

Em meados de julho, falei sobre a Mostra Mundo Árabe de Cinema, que aconteceu no Centro Cultural Banco do Brasil, o CCBB. É claro que não poderíamos deixar de prestigiar a mostra, já que voltamos do Oriente tão apaixonadas pelo mundo árabe. 

Decidimos assistir ao primeiro filme ("Beirute Fantasma") na sexta-feira, à noite, na sessão que começaria às 19h. Saímos da minha casa às 17h, com medo do trânsito. São Paulo é assim, né? Depois de quase duas horas paradas na Av. 23 de Maio, deixamos o carro no estacionamento mais próximo do CCBB, que custou R$ 12 pelo período, fomos a pé para o centro cultural e chegamos em cima da hora. Muito cuidado! O centro de São Paulo já não é dos mais seguros durante o dia, à noite a coisa só piora. Andar por ali é meio perigoso...

Não vimos em nenhum lugar que o CCBB tinha transporte gratuito de várias estações do Metrô para lá e vice-versa. Só ficamos sabendo disso quando já estávamos lá. Então, fica aí a primeira dica: vá de metrô (veja aqui). E outra: aos sábados, todos os estacionamentos fecham às 19h. Se seu programa no CCBB for até mais tarde, esquece (ou deixe o carro na rua, como fizemos no sábado). 

Transporte gratuito (do Metrô ao CCBB)
O cinema do CCBB, assim como o teatro, é super pequenininho. Devem caber umas 70 pessoas. E isso é uma das características que curto: fica tudo mais intimista. Outra coisa que amo: o CCBB é lindo!


No dia seguinte, voltamos ao CCBB para assistir a mais filmes da mostra e para prestigiar o espetáculo Rodriguiana - Tragédia para Rir (que fica em cartaz até 2 de setembro), com o ator Marcos Breda. Aliás, super recomendo! Confira toda a programação do Centro Cultural Banco do Brasil aqui e aproveite para passar o dia lá. Os ingressos para as atrações variam de R$ 2 a R$ 6. Além do cinema e do teatro, o CCBB conta com exposições e programas educativos. Vale a visita! 


Mas fique ligado: aos sábados, todo o comércio da região fecha às 16h, inclusive os bares ao redor do teatro. Se pretende jantar, deixe para quando voltar pra casa -- ou tome um lanchinho no café do CCBB, que nem é tão caro...


Depois do último filme da mostra, ficamos para um debate com o diretor egípcio Ahmad Ashwan, do filme "Nascido em 25 de Janeiro", um documentário sobre a Primavera Árabe. Bem interessante. :)
Só que o debate acabou depois da meia-noite e ficamos com medo de andar sozinhas até o carro, que estacionamos na rua. Pegamos uma carona com a van do CCBB que ia até o metrô e ficou tudo bem. :)


Naquele mesmo sábado, à tarde, resolvemos visitar a Caixa Cultural e conferir a exposição Gesto Amplificado. Como a Caixa é pertinho do CCBB, as dicas são as mesmas.


Não sou muuuuuito fã de Artes Plásticas e esse é o grande foco da Caixa Cultural. Se você curte, taí um bom lugar pra você curtir o final de semana, sem gastar dinheiro. Confira a programação no site (que é terrível, por sinal) e bom passeio! ;)

São Paulo tem uma infinidade de centros culturais e, aos poucos, vamos mostrando os mais interessantes e os que não valem a pena, aqui no blog. Até a próxima!

Beijos,






Você também poderá gostar de:

0 comentários

Receba o #SinTrip por email



Curta o #SinTrip no Facebook