Um outro recado especial

quarta-feira, setembro 12, 2012

Eu poderia escolher qualquer rede social para deixar público o meu carinho por ela, mas como ela mesma já tomou a liberdade de usar o nosso blog para deixar um recado, me senti no direito de roubar um espaço do #SinTrip pra mim também. :)

Algumas pessoas até se impressionam, outras perguntam se somos irmãs, outras, se nos conhecemos na infância, e as mais ousadas perguntam até se somos namoradas (calma, cara! Do que temos em comum, não gostamos nem um pouco! Nosso negócio é homem, você já deve ter percebido). Em algumas viagens chamamos até mais atenção: no Líbano, por exemplo, onde as mulheres são sempre rivais, ninguém botou fé na nossa amizade. Por aqui, já disseram que sonham com uma amizade feito a nossa e até já nos perguntaram qual é o segredo.

Taí uma coisa que não sabemos. Até demorou para nos identificarmos... Éramos colegas de trabalho, mas mal nos falávamos lá dentro. Quando eu estava para sair da empresa, começamos a almoçar juntas e a falar de casos e acasos da vida. Tornamos-nos amigas mesmo quase um ano depois da minha saída. 

Se nos tornamos amigas porque somos parecidas? Hm, acho que não. Não somos tão parecidas assim. É claro que temos mil coisas em comum, amamos viajar, ouvimos Antena 1 e somos loucas pelas nossas famílias, mas não sabemos se é isso que faz nossa amizade tão forte.

Você nem imagina o quanto discutimos por termos opiniões diferentes. Quase toda semana sai uma faisquinha. Já brigamos até na casa do Pateta, lembra?
A Ana tão desapegada (na medida do possível) e eu tão possessiva (com quase tudo)... Nossas discussões duram alguns minutos, algumas horas, no máximo. O carinho que temos uma com a outra é maior que qualquer bobagem.

Mas não estou aqui para desvendar os segredos dessa amizade única, não. Estou aqui para parabenizar essa amiga incrível, que considero parte da minha família, que mora para sempre no meu coração e a quem agradeço por ter cruzado o meu caminho e nele permanecido.


Hoje, a Ana faz 31 aninhos (ela vai me matar!), mas com carinha de 25. Uma menina! :P 
E sabemos que idade não importa em nada mesmo, nós já aprendemos que não é o tempo que torna as coisas mais ou menos importantes. Afinal, já diz a frase "o valor das coisas não está no tempo que elas duram, mas na intensidade com que acontecem". E de intensidade entendemos muito bem. Não, não nos conhecemos desde a infância, mas já vivemos juntas o que nem uma vida inteira pode proporcionar para muita gente. E espero que essa lista de experiências só aumente, cada dia mais. 

Nós sempre cantamos essa, né? ;)

Feliz aniversário, amiga! Este é só mais um dos tantos anos que estão por vir (que pretendo estar ao seu lado para comemorar e festejar esse "vidão" que Deus te deu! hahah)

Seja feliz sempre. SEMPRE. É uma ordem! (Não se esqueça de que sou mandona!).

Te amo!

Beijos,


Você também poderá gostar de:

8 comentários

Receba o #SinTrip por email



Curta o #SinTrip no Facebook