#SinTrip

Cancún: diversão no Caribe

terça-feira, julho 15, 2014

Uma pequena Las Vegas, rodeada por praias de mar azul turquesa: Cancun é mais ou menos isso. Hotéis, hotéis, hotéis, resorts, restaurantes, baladas, diversão. Além de cultura, aventura e relaxamento, é claro. É o destino perfeito? Acredito que sim.

Cancun fica na costa do estado de Quintana Roo, no México, na península de Yucatán, considerada um dos principais centros turísticos do mundo. São cerca de 22 quilômetros de praias de areia fininha, divididos entre a lagoa e o mar. Com temperatura média anual de 27ºC, Cancun tem o clima ideal para o turismo – só evite os meses de agosto a outubro, por causa da temporada de furacões. As ruínas, as praias, a vegetação, os parques, a estrutura, tudo é propício para suas férias. Lá, você pode mergulhar com golfinhos, conhecer zonas arqueológicas das civilizações maia e asteca, nadar dentro de cavernas, praticar todos os esportes aquáticos, além de desfrutar da gastronomia local e curtir a noite super agitada, cheia de bares e baladas espalhados por toda a cidade.
Cancun está divida em cinco zonas principais: a Isla Cancun (ou Zona Hotelera), ilha de 23 quilômetros de extensão, onde se concentram as atividades turísticas; a Zona Urbana, onde mora a população cancunense e onde estão as instituições políticas, educativas e culturais da cidade; Puerto Juárez, onde vivem os pescadores e se encontram ótimos restaurantes e lojas locais; Franja Ejidal, uma zona de assentamentos ocupada pela parte mais pobre da população; e Alfredo V. Bonfil, a oito quilômetros do centro, habitado por colonos do norte do país.
A zona hoteleira rodeia o sistema da Laguna Nichupté, composto por sete trechos de lagoa: a Laguna Bojórquez, Cuenca del Norte, Cuenca Central, Cuenca Sur, Río Inglés, Del Amor e Laguneta del Mediterráneo. Uma boa pedida é fazer o passeio de lancha ou wave runner (a dois) na Laguna Nichupté.
Outra atividade imperdível, não importa a sua idade, é o mergulho com os golfinhos. Há diversas empresas que oferecem os mergulhos, dentro de hotéis ou em endereços específicos. Os preços variam de US$ 80 a US$ 170, dependendo do tipo de programa. Contate uma das operadoras indicadas pela secretaria de turismo de Cancún e veja qual programa é mais a sua cara entre o dolphin interaction, o dolphin swindolphin ride, o foot push e até ser treinador de golfinhos por um dia. Entre as operadoras, estão a Dolphinaris, a Delphinus Wolrd e aDoplhin Discovery.
Outra atração para quem curte os grandes animais marinhos é mergulhar com um tubarão-baleia. Assustador? Sim, mas fascinante também. O passeio é uma viagem de barco de aproximadamente seis horas e meia (ida e volta) às ilhas Holbox e Contoy, mas só acontece entre julho e agosto, quando as condições do tempo são ideais para atrair os bichões. A Ecocolors tem instrutores que falam português e garante que você verá o tubarão de pertinho, caso contrário, ela oferece um novo passeio de graça. Aliás, mergulhar para ficar de frente com aquela bocarra de quase dois metros não sai por menos de US$ 165. Mas vale a pena. Apesar de gigantes, os tubarões-baleia são super dóceis – e lindos!
Um lugar em Cancun que você não pode deixar de visitar é a Isla Mujeres, que fica a sete quilômetros do porto, como uma extensão da ilha maior. Lá, você poderá pescar, praticar snorkeling, comer em bons restaurantes, nadar em águas calmas e até visitar tubarões adormecidos em cavernas, tudo sem prédios à vista. À noite, os bares ficam lotados de gente jovem.
Visite também uma das pirâmides mais belas e completas da Zona Arqueológica da Península de Yucatán, a Chichén-Itza, eleita uma das sete maravilhas do mundo moderno. É uma viagem mística que você não pode perder.
Para quem curte programas mais culturais, o Centro de La Cultura promove eventos de teatro, música e dança típicos de Quintana Roo. O Centro fica na Prolongación Av. Yaxchilán S/N. Se quiser fazer compras, dê um pulo no La Isla Shopping Village, que possui, além das 200 lojas, ótimos restaurantes. O shopping fica na Blvd. Kukulcán km 12.5, Zona Hotelera.
À noite, vá tomar sua tequila favorita na casa mais tradicional de Cancun, a Coco Bongo, que recebe turistas de todas as idades. Outra opção é o Dady’O, do outro lado da rua, e igualmente disputado. Nessas baladas, os DJs tocam de tudo, de hip hop a pop. Se quiser curtir um som local, vá dançar reggaeton noMargaritaville.
Para relaxar, Cancun oferece diversos programas em luxuosos spas e hotéis de cadeias internacionais. Você pode escolher entre uma massagem na praia e um banho a vapor no meio da selva. Ah, Cancún… Você precisa experimentar!
Beijos,

Você também poderá gostar de:

3 comentários

Receba o #SinTrip por email



Curta o #SinTrip no Facebook