Brasil

O Cristo Redentor, no Rio de Janeiro

segunda-feira, outubro 19, 2015

Considerado um dos símbolos da América Latina, o Cristo Redentor está localizado no topo do Morro do Corcovado, a 740 metros acima do nível do mar, no bairro do Alto da Boa Vista, na cidade do Rio de Janeiro. O monumento, que possui 38 metros de altura, sendo oito no pedestal e trinta na escultura, é a segunda maior estátua de Jesus no mundo, atrás apenas da Estátua de Cristo Rei, na Polônia.

O Cristo Redentor, no Rio de Janeiro

Feito em pedra-sabão, o Cristo Redentor foi inaugurado no dia 12 de outubro de 1931, após cinco anos de obras. O projeto, considerado patrimônio histórico desde 1937, foi do engenheiro Heitor Silva Costa, com colaboração do escultor francês Paulo Landowski e desenho de Carlos Oswald. Desde o ano 2000, quando recebeu nova iluminação, o monumento e seus acessos vêm passando por um processo de revitalização e, em 2002, foi inaugurado o acesso mecanizado, com elevadores panorâmicos e escadas rolantes.

Bem antes disso, em 1859 (35 anos depois da construção da estrada de rodagem, que dá acesso ao topo do Corcovado), o Padre Pedro Maria Boss já pensava em construir um monumento religioso ali, mas a ideia só foi retomada em 1921, quando a cidade se preparava para as comemorações do centenário da Independência e quando já havia a Estrada de Ferro do Corcovado (inaugurada em 1884, por D. Pedro II). Foi graças ao trem dessa estrada que o Cristo Redentor pode ser construído, pois todas as peças do monumento foram transportadas por ele. Essa ferrovia é considerada um grande mérito da engenharia civil brasileira e foi a primeira a ser eletrificada no País. O passeio ao Cristo Redentor é o passeio turístico mais antigo do Brasil e não dá para negar que uma visita dessas é um mergulho na nossa história, não é mesmo? Fora que o Trem do Corcovado já levou papas, reis, príncipes, presidentes da república...

Mas, voltando à atualidade, em 12 de outubro de 2006, no aniversário de 75 anos do Cristo Redentor, o monumento foi transformado num santuário católico e construíram, aos seus pés, uma capela para Nossa Senhora Aparecida, onde há celebrações como casamentos e batizados. Já pensou casar aos pés do Cristo Redentor? :D

O Cristo Redentor, no Rio de Janeiro

Hoje, mais de 600 mil pessoas visitam esse monumento todos os anos e é impossível imaginar uma viagem ao Rio de Janeiro sem uma visita ao Cristo Redentor. 

Como chegar

Há duas opções para chegar ao Redentor: através do Trem do Corcovado ou das vans oficiais.

O Trem do Corcovado leva os visitantes até o alto do Cristo em um bondinho que corta o Parque Nacional da Tijuca, considerada uma das maiores florestas em área urbana do mundo. Para chegar ao Redentor pelo Trem do Corcovado, pegue o metrô linha 1 ou 2 e desça na Estação Largo do Machado. Em seguida, pegue o ônibus de integração que vai em direção ao Cosme Velho e desça em frente à Igreja São Judas Tadeu.

Os ingressos incluem o transporte de ida e volta e o acesso ao monumento. Os valores são de R$ 46,00 para adultos e R$ 23,00 para crianças de 6 a 12 anos (menores de 6 anos não pagam). Idosos (acima de 60 anos) pagam meia-entrada, assim como os estudantes de instituições brasileiras. Mas não se esqueça de que é preciso apresentar o documento original para obter o desconto.

A bilheteria do Trem do Corcovado funciona de segunda a domingo, das 8h às 19h, e o trem, que possui capacidade para 345 passageiros por hora, tem saídas a cada 30 minutos. Mas os horários estão sujeitos a alteração em função de problemas técnicos ou climáticos do dia, então, fique atento. Cada viagem demora cerca de 20 minutos, atravessando a maior floresta urbana do mundo, no Parque Nacional da Tijuca, que é considerada um exemplo de preservação da natureza. Além disso, viajando pela Estrada de Ferro do Corcovado, você ajuda a manter essa mata atlântica, já que o trem não polui (é elétrico) e parte da arrecadação da bilheteria é destinada ao IBAMA, para conservação da mata. Legal, né?

As vans oficiais podem ser encontradas em diferentes pontos da cidade: em Copacabana (Estação Cardeal Arcoverde), no Largo do Machado (Estação Largo do Machado) e nas Paineiras. As vans oficiais do Parque Nacional da Tijuca levam os visitantes direto à entrada do monumento do Cristo Redentor sem paradas. O valor do ingresso inclui transporte de ida e volta e bilhete de acesso ao monumento. As saídas de Copacabana e Largo do Machado custam R$51,00 (baixa temporada) e R$62,00 (alta temporada). A saída das Paineiras sai por R$24,00 (baixa temporada) e R$35,00 (alta temporada).

Você também pode ir de táxi até a bilheteria do Trem do Corcovado ou até as Paineiras para tomar a van. Para isso, peça ao motorista para ir às Paineiras preferencialmente subindo pelo Cosme Velho. O motorista é obrigado a usar o taxímetro.

Nenhum dos transportes faz devolução de bilhetes em caso de falta de visibilidade do monumento e da cidade no topo do Corcovado. Por isso, é bom que você verifique a visibilidade antes, no site www.corcovadoaovivo.com.br.

O Cristo Redentor, no Rio de Janeiro

Reserve bastante espaço livre na câmera fotográfica e aproveite porque a vista lá de cima é emocionante! :D 

Você também poderá gostar de:

0 comentários

Receba o #SinTrip por email



Curta o #SinTrip no Facebook